web-Portagem-2013-12-18-13.00.20

(Largo da Portagem – Coimbra) 

 

EDUARDO AROSO *

Logo que saímos da porta do café, ainda lemos, mesmo já sem existir na parede do outro lado, o pequeno rectângulo por cima do Montepio, «Adolfo Rocha – médico especialista – ouvidos, nariz e garganta». O nome Miguel Torga está escrito noutros locais, ou melhor, por tudo onde passou o poeta. Mas se olhamos para o outro lado, quase entramos na Ponte de Santa Clara. Basta que ainda estejamos agarrados a um resto de conversa que trazemos de dentro. No espaço, vigia o Mata-Frades, e olhando de lado para o Banco de Portugal, não se sabe também se pensa como nós: o dístico correcto seria Banco Alemão ou Banco Europeu! A seus pés o homem das castanhas e o fumo que, elevando-se no ar já frio de fim de tarde, nos recorda o do velho comboio da Lousã que por ali passava. Mas o S. Martinho não faz milagres! Fumo de castanhas não é o fumo do velho cavalo-de-ferro. Mais logo, no relento da noite, o fumo vai-se; como os tempos e a memória.

Entretanto doem os ossos, enfraquece a carne e as pálpebras caem cansadas de sono. O regresso do comboio é como o de D. Sebastião. Há sempre quem espere e não desespere. Outros, de tanto esperar, já apanharam outros comboios.

web-Eduardo-Aroso

* Professor

3 COMENTÁRIOS

  1. Parabéns!… Como sempre, bom observador de pormenores importantes!… Sempre intelectualmente atento, salientando o que aos olhos da maioria passa despercebido, e aliando aos sinais aparentemente subjetivos a inerente expressividade que deles brota, na realidade, segundo uma minuciosa e perspicaz observação culturalmente interpretativa do autor, eis-me em perfeita sintonia na apreciação do que aqui nos evidencia. No entanto, a respeito do Banco, talvez fosse melhor: “Banco dos Donos de Portugal” (para sugerir “cortes”, mas não em geral). Eles, para a crise, nada descontam, talvez porque ganhem mal. Mas melhor, só no Banco (Europeu) Central. (Onde já há exemplo português, afinal).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here