Estou no café. No televisor aparece o bastonário da Ordem dos Médicos, José Manuel Silva. Faz-se silêncio.
“Cá estaremos para os expulsar”, afirma o bastonário, referindo-se aos médicos acusados de corrupção.

Não deixa de ser estranho ver médicos, pessoas que têm rendimentos muito superiores à generalidade da população, envolvidos em crimes de desvio de dinheiros públicos. Dinheiro que é nosso; meu, também.
Mas conforta ver um responsável mostrar-se determinado em não pactuar com a vigarice, com o roubo. Ainda há homens, felizmente.

20140226-084824.jpg

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.